Mototaxistas fazem protesto em Caruaru e fecham o trânsito

A categoria reivindica maior fiscalização e isenção de impostos

Caruaru, Cidades, Notícias
Por Anderson Ricardo em (13/07/2013 às 00:45)

CARUARU (PE) – Cerca de 300 mototaxistas se uniram nesta sexta-feira (12) nos jardins da Prefeitura de Caruaru para protestar a falta de fiscalização da Autarquia Municipal de Defesa Social Trânsito e Transporte de Caruaru (Destra) em relação ao mototaxista irregular que atua na cidade. Entre os questionamentos também está a isenção do alvará de circulação, repasse de moto e piloto-reserva. Segundo os manifestantes, eles têm pago impostos como o alvará e não têm nenhum benefício.

“Durante o São João todo mundo circulava sem fiscalização. Disseram que não podia mototaxista com menos de 21 anos e é o que mais tem por aí e a Destra não fiscaliza”, disse André Salgado, um dos mototaxistas. “Estamos aqui pra falar com o prefeito, José Queiroz, mas os assessores dele querem que junte uma representação de três ou quatro, não temos líder, todos queremos ser ouvidos”, completou.

A assessoria de imprensa do Poder Executivo, informou através de nota que a categoria se recusou a ir ao gabinete impondo que o prefeito viesse conversar do lado de fora. Caso mudassem de posicionamento, eles podem fazer um agendamento junto ao Gabinete do Prefeito.

Não satisfeitos, eles seguiram pelas principais vias do Centro da cidade provocando paralisações no trânsito nas ruas 15 de novembro, rua Duque de Caxias e Avenida Djalma Dutra, onde queimaram pneus e inviabilizaram as alternativas de acesso. Sobre a falta de fiscalização a Destra informa que vem realizando blitz constantes em vários pontos da cidade. Esta semana, segundo a assessoria da Destra, foram realizadas duas fiscalizações, onde sete motos foram apreendidas.

Sobre a isenção da taxa do alvará para mototaxistas, a Secretaria da Fazenda Municipal explica que as isenções ou reduções da carga tributária do IPVA são objeto de normas expedidas pelo Governo do Estado, cabendo ao município seguir a lei. O Código Tributário do Município estabelece aquantidade de 50 Unidades Fiscais do Município, no valor de R$ 1,90 cada unidade, que pode ser paga em duas parcelas anuais. A prefeitura argumentou que este é o menor valor possível estabelecido no Código.

 

Fonte: leiaja.com

 


» Acessar Webmail
Repentistas homenageiam o Pernambuco Agora

Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para poderdes permanecer firmes contra as ciladas do Diabo;

Efésios 6,11

Patrocinadores
Equipe
  • Anderson Ricardo
  • Pablo Vinicius
  • Valderedo Valentim
Pernambuco Agora
  • Fazendo o possível para informar a região com uma linguagem clara e objetiva.
  • Leia mais
Contato
Mapa do Site